16.8.15

Alucinação Coletiva, 2015

apropriação de manchetes de imprensa
30 x 25 cm, papel jornal 52g, 12 páginas em impressão offset
tiragem ilimitada
clique sobre as imagens para ampliá-las



Alucinação Coletiva é um jornal feito com manchetes apropriadas de revistas das décadas de 60/70 cujos títulos, tirados do contexto de suas reportagens, deixam de ser anacrônicos e ganham atemporalidade. O jornal foi feito para a exposição DentroFora, curadoria de Douglas de Freitas, na Galeria Sancovsky, em São Paulo, em setembro de 2015. O título, Alucinação Coletiva, refere-se a uma das manchetes apropriadas e serve também de metáfora sobre a relação ao mesmo tempo verticalizada e caótica que se tem com a informação midiática como exercício de poder.